Notícias

Setor da construção civil quer mais detalhes sobre a liberação do FGTS

Jul 26 2019

O governo garantiu que a liberação do FGTS não vai ter impactos no setor de habitação. A construção civil, no entanto, quer mais detalhes sobre como isso vai funcionar.

Uma das saídas discutidas é a devolução do FI-FGTS (Fundo de investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), que garante a aplicação de recursos do fundo em projetos de infraestrutura. Mas, para Maria Henriqueta Alves, consultora da Cbic (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), “não tem como recuperar R$ 42 bilhões num curto espaço de tempo se a economia não está ativa”. Para ela, falta um modelo, uma simulação por parte do governo.

O secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, garantiu que a medida não vai afetar os financiamentos da construção civil, uma vez que a verba liberada vem da correção da má alocação dos recursos do fundo.

O conselho do FGTS deve se reunir no dia 30 de julho. Entretanto, para Antonio Ramalho, da Cbic, a expectativa é que não haja alterações no que já foi anunciado.

 

Com informações da coluna Painel S. A., da Folha de S. Paulo.

 

Imagem: shironosov/iStock.com

Ler 249 vezes
Avalie este item
(0 votos)

About The Author